terça-feira, 15 de maio de 2012

independencia do Brasil: Antecedentes

Para compreender a independência, é preciso retroceder ao ano de 1808, ano da chegada da família real portuguesa ao Brasil. Naquele ano, toda Coroa Portuguesa bateu-se em retirada de sua terra natal por causa das invasões militares de Napoleão Bonaparte.implantando aqui muitas medidas,  a medida que inaugurou a administração joanina no país, agradou os grandes proprietários de terra e comerciantes da colônia. Com o fim do pacto colonial as elites brasileiras poderiam avolumar suas transações comerciais e ampliar significativamente seus lucros.

O distanciamento do rei com seus compatriotas fomentou a eclosão de um movimento liberal que exigia profundas reformas políticas no território português. Dessa forma, em 20 de agosto de 1820, a Revolução Liberal do Porto promoveu a tomada do poder lusitano por parte dos grupos políticos liberais do país. Ansiosos por transformações, os revolucionários formaram uma assembléia geral que levou o nome de "Cortes", eles queriam um projeto de instalação de uma monarquia parlamentar inspirada no regime político inglês e reivindicavam a volta de Dom João para que tais reformas fossem legitimadas. Temendo perder seu título nobiliárquico, Dom João retornou para Portugal deixando seu filho, Dom Pedro I, como príncipe regente do território brasileiro. Dom Pedro começou a se aproximar de figuras políticas favoráveis ao projeto de independência.Com isso, as Cortes passaram a exigir o retorno imediato de Dom Pedro I para Portugal. No entanto, prestigiado politicamente pelas elites, preferiu permanecer no Brasil de forma definitiva. Em uma última tentativa, os portugueses ameaçaram enviar tropas caso Dom Pedro não acatasse sua convocação.

Não vendo outra
solução para esse impasse, Dom Pedro I realizou a proclamação da independência do Brasil no ano de 1822, durante uma viagem de volta à cidade do Rio de Janeiro, às margens do rio Ipiranga. Depois de alguns conflitos com as tropas lusitanas e o apoio britânico, os mais de três séculos de dominação portuguesa chegaram ao fim com a instalação do regime monárquico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário